Get Adobe Flash player
001_Postal
002_Postal
003_Postal
004_Postal
01 (2)
01
04
05
06 (2)
06
07 (2)
07
08
09
10
11
12 (2)
12
13
14
15
18
20
21
23
23042009069
24
25
26
27
28
29
30
31
32
33
34
35
36
38
39
40
41
42
43
44
45
A-Descri��o Ilha de Mo�ambique
B-Postal Ilha de Mo�ambique
C-Ilha de Mo�ambique
D-Ilha de Mo�ambique
E-Ilha de Mo�ambique
F-Ilha de Mo�ambique
G-Ilha de Mo�ambique
Gorongosa3b
H-Ilha de Mo�ambique
I-Ilha de Mo�ambique
J-Ilha de Mo�ambique
K-Fazenda Muchelia
L-Fazenda Muchelia
M-Fazenda Muchelia
N-Fazenda Muchelia
O-Fazenda Muchelia
P-Fazenda Muchelia
Q-Fazenda Muchelia
R-Fazenda Muchelia
S-Fazenda Muchelia
T-Fazenda Muchelia
U-Fazenda Muchelia
V-Reformados da fazenda
X-A caminho da fazenda
Z- A caminho da fazenda
ZAA- Chegada a Nampula
ZAB-Viagem Nampula-Ilha
ZAC-Viagem Nampula-Ilha
ZAD-Viagem Nampula-Ilha
ZAE-Viagem Nampula-Ilha
ZAF-Viagem Nampula-Ilha
ZAG-Viagem Nampula-Ilha
Eventos APM

Novas iniciativas da APM brevemente!

Donativos

Para promover o desenvolvimento cultural, cívico, económico e social de ambos os povos português e moçambicano torna-se necessário o seu contributo, o seu donativo, seja benemérito, apoie esta Associação transfira o seu valor pequeníssimo que seja, para as contas abaixo indicadas e dê-nos, se assim o entender, os seus elementos identificativos.

Banco Espírito Santo(BES)

 

NIB

 

0007 0404 00133490007 85

 
Ficha de Inscrição

Ficha de Inscrição para Sócios

Download versão docx

Download versão Word97/2003

    
Inicio

postheadericon Notícias

postheadericon FACIM - Feira de Empreendedorismo

Além dos já conhecidos negócios, a Feira Internacional de Maputo também expõe trabalhos de inovação e empreendedorismo. No pavilhão da cidade de Maputo um ex-madgermane que agora emprega mais de seis centenas de trabalhadores e uma bicicleta ambulância produzida pelo centro ortopédico de Maputo, estão entre os vários produtos que se destacam, apresentados pelas diferentes empresas. No que concerne ao empreendedorismo, Francisco Guambe é o mais expressivo exemplo, panificador com diversas padarias na cidade de Maputo empregando actualmente 610 trabalhadores, contou como tudo começou, Guambe vendia pão no Dumba nengue antes de ir trabalhar para a Alemanha, quando regressou retomou a actividade, até que um dia um amigo lhe sugeriu que ao invés de comprar devia fabricar seu próprio pão e assim o fez dando oportunidade de emprego a 610 trabalhadores. Outra empresa no stand da cidade de Maputo que também se destaca pela inovação é o centro ortopédico de Maputo. Especializado no fabrico de próteses e botas ortopédicas para deficientes físicos, há algum tempo  que decidiu produzir bicicletas ambulância que estão a fazer muito sucesso no norte do país. Foi um toque de criatividade de uma empresa que afirma que não faltam encomendas. A FACIM encerra no próximo dia 5 de Setembro.  

Fonte: TIM

 

postheadericon Assinatura de tres memorandos de entendimento e cooperação entre Portugal e Moçambique na FACIM

Moçambique e Portugal assinaram, três memorandos de entendimento, no âmbito do estreitamento dos laços de cooperação bilateral. A formalização dos acordos teve lugar no recinto da Feira Internacional de Maputo (FACIM),  protagonizada pelo ministro da indústria e comércio, António Fernando,  e pelo secretário do Estado para a área do Comércio de Portugal, Fernando Serrasteira. O primeiro memorando visa a instalação de plataformas logísticas de base alimentar nas províncias de Maputo, Sofala e Nampula. Com o segundo, pretende-se criar enquadramento para promover a cooperação técnica entre a Direcção Nacional de Comércio de Moçambique e a Autoridade de Concorrência de Portugal. O terceiro e último protocolo de cooperação tem como propósito promover o quadro de cooperação técnica entre a Inspecção Nacional de Actividades Económicas de Moçambique e a Autoridade de Segurança Alimentar e Económica de Portugal. Trata-se dos primeiros acordos que o país estabelece ao mais alto nível nesta 46ª edição da FACIM, que arrancou na passada segunda-feira. Falando a propósito dos três memorandos de entendimento, António Fernando referiu que, através deste tipo de iniciativas, Portugal poderá dar passos significativos para aceder ao mercado da Comunidade para o Desenvolvimento da África Austral (SADC) de 250 milhões de consumidores. Com estes acordos, segundo o responsável, estarão criadas as condições para que o país dispunha de ferramentas que permitem melhor controlo do volume de produção, evitando perdas, bem como a promoção da concorrência justa no processo produtivo. Já o representante português, Fernando Serrasteira, reiterou a disponibilidade do seu país em investir cada vez mais no mercado moçambicano, nas mais diversas áreas, para estreitar mais os laços já estabelecidos.

Fonte: O Pais

 

postheadericon Cooperação entre a Finlândia e Moçambique

Com o objectivo de rever a cooperação com as autoridades moçambicanas, particularmente em programas sectoriais nas áreas de Educação, Saúde, Agricultura, Ciência e Tecnologia, o Ministro das Finanças da Finlândia, Jyrki Tapani Katainen, inicia hoje até à próxima sexta-feira, uma visita de trabalho de três dias a Moçambique. Durante a sua presença em Moçambique, Katainen vai manter encontros de trabalho com os ministros das Finanças, Manuel Chang, da Planificação e Desenvolvimento, Aiuba Cuereneia, da Ciência e Tecnologia, Venâncio Massingue, o Vice-Ministro dos Negócios Estrangeiros e Cooperação e ainda com o Governador do Banco de Moçambique, Ernesto Gove.  

Fonte: Noticias



 

 
Ver Mais...
Faixa publicitária
Publicidade
Galeria de Eventos
  • Conversa com o músico moçambicano Patxutxu:
    “ A vida de um artista Moçambicano em Portugal!”

  • Reabertura do Bar Espaço Moçambique

  • "Moçambique - Imagens de um país real..." - Exposiçao de Fotografia de Ana Rita Martins

  • "Comemoração do Dia 4 de Outubro, Dia da Paz em Moçambique e Dia 5 de Outubro, Implantação da Republica"